quarta-feira, 4 de agosto de 2010

HDC - Interlúdio


Caras, não posso falar muita coisa sobre o HDC, ouvindo o som hoje da pra notar influências de várias bandas que estavam tocando no momento como o Dead Fish, Gritos de Ódio...

Eu estava reparando que esta é mais uma capa ilustrada pelo Feijão e isso me deu a grande idéia de entrevistá-lo para o blog. Aguardem.

Mas voltando ao HDC, achei interessante que no encarte diz que a banda repensou sobre seus conceitos apresentados na demo anterior e resolveu fazer um som mais politizado. Isso soa engraçado hoje, mas retrata bem um tempo em que a maior parte das bandas de hardcore tinham essa preocupação, quase uma obrigação de ter conteúdo político nas letras, o que caracterizava um diferencial para a época. Esse idealismo, mesclado com um pouco de ingenuidade, também aparecia nos fanzines que circulavam na época.

HDC - Interlúdio

Se tiverem mais informações sobre a banda postem aí.

6 comentários:

fabio disse...

cade o split christ machine e ajudantis??

Revista Prego disse...

Vai rolar, Fábio! Com direito a capinha e tudo hehehe. Abração

Moreno L. Telles disse...

no show do warcry eu doei uma k7 dessa creio eu... hehehe

Allan Borges disse...

Quando o DF voltou eles tocavam cover do HDC.

Anônimo disse...

esse encarte é praticamente uma bula de remédio.

Rômulo disse...

Banda ruim pra disgraça... não valia os R$ 2,00 que nego pagava pra ver...

Na verdade, o Dead Fish não fez bem assim cover do HdC. Acontece que o Murilo, que tocava com a gente foi para o Dead Fish, e a música era dele. Mas eles tocavam com a camisa da gente, e faziam a maior questão de divulgar.

Putz, foi uma época disgraçada de boa, que piorou quando virei símbolo sexual de outra banda.

Abraços!